Na lista tem grandes estúdios que infelizmente chegaram ao fim


Quem é jogador de muitos anos, mais precisamente da década de 80 ou 90, já pode ver muitos nomes de estúdios assinando seus cartuchos de 8 bits e 16 bits. Aqui trazemos uma lista com os 10 estúdios de jogos que foram a falência, alguns faliram por problemas financeiros, já outros faliram após terem lançado um jogo que foi um fracasso total, confira:



  • 10-  Technos

Technos foi uma produtora de jogos que apresentou os jogos de pancadaria nos anos 90. Eles foram foram responsáveis por lançar jogos de de beat and up, ou mais conhecido no Brasil como: briga de rua.

A Tecnhos foi responsável pela série de sucesso Double Dragon, desenvolvida originalmente para arcade, mas que após grande sucesso foi desenvolvido para as plataformas caseiras como o Nes, Master System, Atari, Mega Drive, Game Boy, e muitos outros.

Com essa quantidade de plataformas que investiram uma boa grana na Technos para terem o jogo em suas plataformas, a empresa não teria problemas financeiros certo? Errado! O erro foi o mesmo motivo pelo qual ela fez sucesso: Os games de briga de rua. A empresa até se aventurou em desenvolver novos gêneros de jogos, porém o que ela fazia sucesso mesmo era nos jogos de porrada. Mas quando o gênero pandaria começou a decair, a Technos foi junto, fechando suas portas em 1996.



  • 9- Data East

Quem é das antigas como eu, vai se lembrar desta daqui, reponsável pelo saudoso Side Poket, jogo de sinuca que foi lançado para o Super Nes.

Apesar de desenvolver jogos arcades, ela foi a criadora da saga Joe e Mac. Se você curte jogar emuladores de jogos da década de 80 e 90, com certeza vão se deparar com jogos da marca Data East

O que levou a falência da Data East? Simples! O problema foi o mesmo que aconteceu com as demais que tiveram o mesmo caminho, dificuldades em adaptar as novas tendências de jogos.



  • 8- THQ

Essa desenvolvedora pegou todos de surpresa na época, pois a THQ foi responsável por jogos badalados e mais retáveis dos últimos anos como, Saints Row e Darksiders.

Mas a pergunta que não quer calar, o que levou a THQ a fechar as portas? Foram uma série de tomadas de decisões erradas pelos diretores da empresa. E uma dessas decisões que levaram o estúdio a falência foi, o lançamento do UDraw uma caneta + tablet para você desenhar na sua TV através do seu console. Inovador não? Só que não, e acabou não caindo no gosto dos fãs da marca.

O tal gadget foi lançado para Wii U, Playstation 3 e Xbox 360. Mas então você nunca ouviu falar? Pronto! Está aí o motivo da empresa ter ido a falência! O rombo causado por esse erro estratégico dos diretores combinado com as baixas vendas, endividaram a marca de uma tal maneira que nem os grandes sucessos da marca foram capazes de cobrir o rombo nos cofres da empresa. A empresa declarou falência em 2013, e as marcas Sega e Ubisoft dividiram entre elas os direitos do estúdio THQ, quem sabe não vem um novo Darksiders por aí?



  • 7- Hudson

Essa sem dúvidas faliu mas deixou saudades! O motivo da falência? Bomberman.

A história de como a Hudson foi a falência é um pouco diferente dos demais estúdios desta lista. Que a Hudson tinha bosn títulos em toda sua história, isso não podemos negar. O grande problema que levou a desenvolvedora encerrar suas atividades, foi que em meados de 2000 os diretores e mentes criativas da empresa, começaram a sair e ir para outros estúdios concorrentes, e com isso foi caindo a qualidade dos seus projetos e acabando de vez com a história da marca da abelhinha. A empresa declarou falência em 2012, porém foi comprada pela Konami no mesmo.



  • 6- Midway

Midway foi outra empresa que sabia lidar muito bem com a pancadaria e sangue para todo lado, com um título de sucesso mundial até nos dias de hoje. A saga Mortal Kombat, que na época dos primeiros títulos foi alvo de crítica devido a grande violência.

Não podemos negar que Mortal Kombat era muito difícil na época, mas o realismo e quantidade de violência no game, supria o nível de dificuldade. O que fez a Midway ter o sucesso que teve, foi que a produtora também foi uma das primeiras por trazer jogos japoneses para o ocidente, e lançar em sua versão americana.

Quando a empresa começou a bambear as pernas foi nos anos 2000, com a também decadência dos jogos de luta. E para piorar ainda mais para o lado deles, foi quando eles tentaram modernizar a saga Mortal Kombat em versão 3D foi aí que tudo piorou! E não para por aí, a empresa também tinha muitos problemas judiciais com os executivos, o que acabou dando o golpe fatal na Midway. Encerrando suas atividades em 2010, a Warner Games comprou o estúdio e deu continuidade a franquia Mortal Kombat que foi inovando a cada novo jogo e hoje é novamente um grande sucesso!



  • 5- Akklain

Este estúdio foi responsável por lançar títulos baseados em desenhos e filmes para as plataformas Super Nes e Mega Drive. E claro você provavelmente conhece alguns dos títulos como: Bar Simpson e Batman Forever que foram muito famosos na época.

O início do pesadelo da Akklain foi quando as vendas de games baseados em títulos de filmes começaram a perder força. Como na época a Akklain era mais distribuidora do que desenvolvia seus títulos, as vendas não cobriam os gastos com suaas produções e os direitos de licenciamento. E assim foram acumulando dívidas e mais dívidas o que acabou levando a empresa a fechar as portas.



  • 4- LucasArts

Criada pelo saudoso George Lucas, a marca é responsáveis pelos lançamentos dos melhores jogos de Star Wars que foram verdadeiros clássicos do Super Nes. A LucasArts também foi responsável pela série Indiana Jones e Zombies Ate My Neighbors.

Seguindo a mesma trajetória da Hudson, A LucasArts não chegou a falir, mas sim foi comprada pela Disney, que havia comprado também as marcas Pixar e Marvel Entertainment. A LucasArts desenvolvia games promissores sob direção da nova proprietária, porém da noite para o dia a Disney decidiu enterrar de vez a marca.

E assim da noite para o dia mais de 100 funcionários da empresa foram demitidos e alguns títulos de games foram cancelados. Os direitos dos games da franquia Star Wars foram licenciados pela EA Games e continuam fazendo sucesso com os novos títulos nos consoles de última geração.



  • 3- SNK

E continuando com as outras marcas que fizeram sucesso com jogos de luta. A SNK foi responsável pela série The King of Fighters que era concorrente direto com a Capcom com o aclamado Street Fighters. O sucesso de The King of Fighters veio por causa de seus personagens marcantes como Terry Bogard e Mai Shiranui. Entre outros títulos famosos da SNK foi Samurai Shodow e a aclamada série Metal Slug.

 

E o fim da marca começou quando a nova geração de consoles começaram a dar as caras no mercado e os games de luta em 3D começaram a ganhar mercado atingindo nos números das vendas da do seu carro chefe The Kings of Fighters. Para tentar se reinventar na tentativa de se manter no mercado, a empresa investiu pesado em uma placa para consoles NeoGeo que pudessem inserir a franquia no futuro dos games.

Mas o resultado não foram os melhores, e para piorar para a empresa, eles lançaram também o seu videogame pocket, o NeoGeo Poket. A idéia do novo console era promissora, pois tinha Sonic, SNK vs Capcom e assim por diante, mas estavam na hora e lugar errado, o motivo? Pokémon.

O grande azar da empresa foi lançar seu console portátil na mesma época em que Pokémon transformava o Game Boy da Nintendo em um dos maiores sucessos de vendas de todos os tempos. E para enterrar de vez a marca, o Dreamcast pela Sega, a única plataforma que restava. Sem isso as dívidas da empresa aumentaram e levando a SNK a falência.

A empresa foi vendida em 2002 e virou SNK Playmore, mas esta também está não está indo muito bem no mercado.



  • 2- SquareSoft

Um dos meus primeiros amor na adolescência foi os jogos de RPG e com ele foi um dos maiores sucessos da SquareSoft, a saga Final Fantasy do I ao X-2, Chrono Trigger, Parasite Eve, Vagrant Story, Chrono Cross, Secret of Evermore, e muitos outros.

 

Tá! São todos jogos de sucessos e venderam absurdamente bem. E consequentemente o caixa da empresa estava cheio certo? Com o caixa positivo estava na hora da empresa dar um passo maior, e apostar em outras áreas e a escolhida foi o cinema. E nada melhor que estrear um dos seus maiores nomes Final Fantsy.

O filme não podemos negar, mas ficou lindo todo produzido em computação gráfica, o ápice da tecnologia em 2001. Mas o que deu de errado?

Basicamente tudo! O filme gastou milhões de dólares e a arrecadação não foi mais que 60% do que foi investido, trazendo um rombo imenso no orçamento da empresa. A saída da empresa foi se juntar com a concorrente SquareEnix.



  • 1- Atari

E para fechar nossa lista, uma empresa que já faliu tantas vezes, mas não desiste nunca. A Atari iniciou com games arcade, como nome ninguém mais ninguém menos que Steve Jobs, sim você não leu errado! E logo em seguida começou a produzir jogos para 8 bits.

A Atari começou com consoles que foi estrondosamente um sucesso na época, quem aqui que é das antigas nunca jogou um Atari? Pois bem, logo a empresa começou na produção de jogos. E foi dividida passando a nascer a Atari Games Corporation, e a Atari ficou por conta dos consoles. A divisão de hardware foi adquirida pela JT Storage, que foi comprada pela Hasbro, que mudou o nome para Infogrames, que depois foi renomeada para Atari, e não satisfeitos novamente voltou a se chamar Atari Games.

O jogo de maior sucesso da Atari? Nada mais, nada menos que Tetris o jogo mais vendido da história dos games clássicos. A Atari com a corda no pescoço faliu em 1984.

E aí gostou da lista? Deixe nos comentários quais destas empresas você mais gostava, e os seus jogos favoritos,e não esqueça de conferir nossa lista dos 10 jogos mais vendidos de todos os tempos.